Thursday, November 23, 2006

Então é Natal!


Vou falar de Natal, apesar de achar que ainda é cedo para isso. Mas quero ajudar minha amiga blogueira Maíra, do Caravela Brasileira (http://caravelabrasileira.loginstyle.com/2006/11/22/blogagem-coletiva/).

No Japão, todos sabem, a maioria é budista ou xintoísta. Então dá para imaginar que por aqui Natal é apenas uma data comercial. Nada mais do que isso. Não há muita comemoração. A não ser dos comerciantes, que faturam horrores nesta época. Isto por que aqui é quase obrigação dar presente ou participar de festinhas de final de ano.

Assim como em países cristão, as lojas se enfeitam todas para atrair o público. Mas basta dar meia-noite do dia 25 que começa a correria para mudar os enfeites para os de ano-novo (bambu e folhas de pinheiro). Dia 26, quando você andar pelas ruas vai ver que a decoração de Natal já não existe mais. Ano-novo aqui é sagrado. É uma data importantíssima para a cultura local (depois, num outro post falo da cultura do hatsu).

Bom, hoje não estou muito inspirado. Depois escrevo melhor sobre o Natal.

É isso. Para o alto e avante!

4 comments:

Roberto said...

Eu tb nao sou cristao. Pensei q ia me ver "livre" daquela sina de Natal aqui no Japao mas me enganei. Como eh chato, isso, as pessoas comprando presentes e tal...

Maíra said...

Obrigadíssima Ewerthon!!! =)
Beijinhos e depois fala do ano novo que eu fiquei curiosa.

Gisele Scantlebury said...

Eu gosto de decoracao de Natal, apesar de nao gostar de Natal. Mas, odeio (O-D-E-I-O!) musica de Natal e mesmo aqui a gente nao se livra delas, heim? Pelo menos nao eh a Simone cantando: "Entao eh Natal.." porque eh de cortar os pulsos! =)

Paulo said...

Hahahahaha! Concordo com a Gisele, é de cortar os pulsos!
Aqui é uma data puramente comercial, o que me faz ficar livre de tudo aquilo na manhã do dia 26. Ufa!