Monday, December 04, 2006

O momiji

Antes de mais nada, perdoem-me se não estiver sendo exato na explicação. Fiz uma super pesquisa na internet e encontrei poucas coisas sobre a cultura de apreciar as folhas de outono aqui no Japão.
Momiji é o nome da árvore (Ácer no Brasil e Maple Tree no Canadá - aquela folhinha que tem na bandeira canadense).
Aqui, nesta época do ano assim como na primavera, os japoneses apreciam as folhas vermelhas, amarelas e laranjas do outono. Saem para ver a beleza delas...

Por que apreciar folhas das árvores? Bom, além de um espetáculo maravilhoso da natureza, essa cultura do "momiji" tem base no budismo (religião de boa parte dos japneses - apesar de que a maioria aqui é xintoísta).
Diz os ensinamentos budista que a vida da gente tem de ser transparente. Explico melhor: o ser humano, geralmente, apresenta duas faces. Queremos sempre apresentar o lado mais bonito, e o restante fica no quintal...
Já as folhas do momiji, no outono, mostram suas duas faces ao cair. Há um haikai (poema curto, numa tradução rápida), do monge budista Ryokan, que faz alusão a um viver transparente, no qual percebemos nossas “faces” sem tensões ou recriminações, como a folha do momiji, que troca de cor no outono e mostra suas duas faces (frente e verso) ao cair, participando naturalmente da renovação do ciclo da vida.


"As folhas de outono caem, mostrando a frente e o verso"
Ryokan


"Posso ver as folhas de bordo caindo, revoluteando ao sol do outono, mostrando as duas faces enquanto flutuam no ar até cair no chão. É uma vida natural. Sem fingimentos, sem preocupações, sem tensão. Assim como cai uma folha de bordo, assim como a água desce dos lugares mais altos, assim como a lua brilha - este tipo de vida nos dá paz e serenidade"
Gyomay Kubose Sensei (livro Budismo Essencial)


Então, acho que essa história de apreciar o momiji tem algo a ver com o budismo. Se tiverem outras sugestões de interpretação, por favor me escrevam. Vou ficar feliz de aprender mais.

Para o alto e avante!

6 comments:

Maira said...

Que interessante!! Gostei.
Bjinhos

afi said...

Valeu a espera. Obrigado.
Mais budista, menos budista mas uma "face" do japonês sem dúvida. E que é bonito, lá isso é, como as suas fotos demonstram. Fiquei curioso foi com a ausência de pessoas naquela foto do caminho bordejado pelo momiji.
Mostre mais momiji para nós. Não vou cansar de certeza.

Já li que o momiji é mais apreciado que sakura na primavera. É verdade?

Judy said...

Parabéns pelo post e nossa... a foto que você colocou é incrível!

Catinha said...

Boa noite! Fui pesquisar sobre a folha de momiji para comentar no meu blog e encontrei o seu post... encantador! Está adicionado nos meus sites favoritos e vou citá-lo no meu diário de bordo, se não se importar.
Obrigada por partilhar coisas tão bonitas conosco!
um bj

João Luis Calliari Poesias said...

Oi! Foi uma surpresa encontrar aqui o que eu procurava. Moro em Gramado RS e temos 6 árvores dessas na frente de casa.(Momijis). Agora sei pelo seu blog, Ácer, no Brasil. Fui na rua colher umas folhas, não tem erro, é essa mesmo. Parabéns pelo blog. João luis

João Luis Calliari Poesias said...

Oi! Foi uma surpresa encontrar aqui o que eu procurava. Moro em Gramado RS e temos 6 árvores dessas na frente de casa.(Momijis). Agora sei pelo seu blog, Ácer, no Brasil. Fui na rua colher umas folhas, não tem erro, é essa mesmo. Parabéns pelo blog. João luis